Partilhando...

Compartilho as postagens desse blog com todos os educadores que amam a sua profissão, com educandos, pais, mães, enfim com todos os protagonistas do processo educativo que direta ou indiretamente participam da Arte de Educar.

Esse blog tem como foco a partilha de experiências. Acredito que poderemos democratizar saberes e ampliar nossos conhecimentos a partir da postagem de vivências realizadas na área educacional. Aqui você encontra dinâmicas, cine fórum, atividades... Olhe sempre os arquivos!

terça-feira, 26 de julho de 2011

DINÂMICA - MANTENHA CHEIO SEU BALÃO

OBJETIVO: trabalhar a auto-estima, a valorização pessoal e profissional em encontro com professores.

ORIENTAÇÕES 
 
1. Falar para os participantes do encontro: ninguém pode te motivar a não ser que você queira. Não existe motivação pessoal, o que exite é auto-motivação. Se  você insistir em ser um "bola murcha" nem Deus te ajuda. Você pode fazer mil treinamentos e nada consegue. Agora se você quiser ser um balão bem cheio, Deus te ajuda e dar condições para isso .

2.FAZER A DEMONSTRAÇÃO DO QUE VAI FALANDO  USANDO OS BALÕES(balão cheio, murcho e estourado)
O que faz as pessoas serem um bola murcha ou um bola cheia é o FOCO. Quando você foca em coisas positivas teu balão enche e quando você foca em coisas negativas teu balão murcha.
O bola murcha fica incomodado qando você está com a bola cheia.
Deus não fez a gente para ser um bola murcha.
Pior ainda do que ser um bola murcha é ser um balão estourado. temos que fazer sucesso sem explodir o balão.
Por que o balão estoura? Porque não sabemos colocar o problema dentro dele.
É preciso estarmos rodeados de uma boa equipe que vai nos apoiar quando quisermos estourar o balão.
Pare e pense!... eu posso crescer cada vez mais, eu posso manter meu balão cheio sem deixá-lo estourar.
Balão é alegria, é festa. Faça da tua vida uma festa. Se você anda desmotivado não culpe ninguém, pois ninguém pode esvaziar o seu balão a não ser você mesmo.Pense positivo. Você foi criado para ser feliz na família, no trabalho, na vida...
Mantenha sempre o seu balão cheio de alegria, entusiasmo, tudo depende de você.
 
3. Distribuir os balões (que deve está com frases de motivação em seu interior) com os participantes, pedir que pensem em metas e objetivos para a vida pessoal e profissional e encham os balões.

4.Pedir que ao som da música "Tente outra vez" - Raul Seixas não deixe seu balão caír...defenda suas metas, seus objetivos traçados e definidos e colocados(mentalmente) dentro daquele balão quando você o encheu, só assim alcançará posições e será valorizado/respeitado como pessoa e profissional.

5.Ao parar a música, pedir que cada participante se sente. segure o seu balão e o estoure-o. Pedir que alguns participantes leiam suas frases motivacionais em voz alta.

6. Entregar a ficha: COMO ME SINTO. Esperar que respondam. Montar um painel com as fichas preenchidas(retrato do grupo). Sugerir que algumas pessoas falem sobre o que escreveram.



COMO EU ME SINTO
    MEU                           FICA  CHEIO QUANDO EU...

MEU                                         MURCHA QUANDO EU...

MEU                                        ESTOURA QUANDO EU...



7.Entregar o texto: Mantenha cheio o seu balão . Fazer a leitura do texto por parágrafos.
 
8.. Socialização do grupo sobre a dinâmica aplicada(sentimentos, emoções...).
TEXTO: Mantenha cheio seu balão...

O balão é um símbolo universal.

Em qualquer lugar do mundo quando encontramos uma casa ou um ambiente cheio de balões imaginamos que por lá há festa, há alegria.

É impossível estarmos constantemente motivados, porém podemos descobrir pequenos triunfos que nos faz estar mais motivados. Pense:

O segredo da motivação está em saber encher o seu próprio balão. Procure relembrar as grandes conquistas e vitórias de sua vida. Todos temos grandes momentos e alegrias. Relembre-os sempre.

Perceba em sua vida os balões coloridos à sua volta. O nascer do sol, o beijo da pessoa amada, o sorriso de uma criança, uma linda estrela no céu. A automotivação está nos detalhes.

O ar para encher o seu balão vem de dentro. Estimule pensamentos e atitudes positivas. Elogie os colegas de trabalho, as pessoas da sua família, e por que não, a si mesmo. Valorize sua vida, perceba o quanto você tem e não o que você poderia pedir. Na maioria dos casos, temos muito a agradecer, porém muito pouco a pedir.

Assim como em fim de festa, às vezes o seu balão estará murcho. O segredo maior é saber renovar constantemente o seu oxigênio. Descobrir o que o motiva, quais os seus pontos fortes, aquilo que você efetivamente gosta de fazer é seu grande desafio!!

Adaptado do livro Motivando o Trabalho Humano de Paulo Henrique Araújo

Nenhum comentário:

Postar um comentário